Kubik – “Rock Extravaganza”

cover

A nota de imprensa deste disco refere o seguinte: ”15 anos depois de “Oblique Musique” (2001), 11 depois de “Metamorphosia” e 5 anos depois de “Psicotic Jazz Hall” (2011), Kubik “lança o seu 4º álbum, “Rock Extravaganza” (Ed. Autor). Constituído por 10 novos temas, este disco reafirma o lugar único de Kubik na música moderna portuguesa numa nova incursão estética livre pelo seu peculiar e eclético universo musical.
Na história da arte, “Extravaganza” é uma criação literária, teatral ou musical caracterizada pela liberdade de estilo e estruturae, geralmente, incluindo elementos do burlesco, vaudeville, cabaret ou circo. O termo é derivado da palavra italiana stravaganza, significando extravagância. Este conceito foi amplamente usado para descrever um tipo de drama britânico do século XIX que se tornou popular com James Planché. Este autor definiu-o como “o tratamento lunático de um assunto poético”. Kubik transportou esta premissa para a música.”
Efectivamente, “Rock Extravaganza” é mais uma obra de elevado nível criada por um dos artistas mais idiossincráticos do panorama musical português, pelo que recomendo vivamente a audição deste álbum editado no passado mês de Outubro. Ainda que este disco, ao contrário dos seus predecessores, “namore” o formato convencional da canção, ainda assim, fá-lo com a irreverência sempre inteligente que é a imagem de marca de Kubik.
Este Tratamento Lunático de um Assunto Poético pode ser escutado (e descarregado de forma legal) através do Bandcamp do artista. Aos mais distraídos, aproveito para relembrar que Victor Afonso (Kubik) concedeu uma entrevista a este blogue no passado dia 25 de Outubro. A mesma pode ser acedida AQUI.