The Wire 390 | Agosto 2016

Dois motivos para adquirirem o número mais recente da revista WIRE:

1). Esta edição contém o CD “THE WIRE TAPPER 41 Anthology of underground music”.  Dos 20 temas que integram a colectânea o destaque vai inteirinho para a participação de Alessandra Eramo, artista italiana sediada em Berlim. O tema “Roars Bangs Booms”, é inspirado na utilização de onomatopeias por Luigi Russolo no seu manifesto “L’arte dei Rumori” (1913). Nesta composição as vocalizações inconfundíveis de Alessandra casam-se de forma portentosa com a utilização do theremin, tape machine, e microfones de contacto. A Alessandra Eramo actuou no Porto, no passado dia 25 de Abril, num concerto co-organizado pela ANDRÓMEDA – agenciamento & produção.

2). O dossier “An initiation into occult rock”, assinado por Edwin Pouncey. Inúmeras são as bandas que têm procurado inspiração no legado de Aleister Crowley e outros iniciados. O percurso das bandas Black Widow, Blue Öyster Cult, e mais recentemente os franceses Aluk Todolo, entre outras, é aqui analisado em pormenor. Em suma, um artigo obrigatório para os apreciadores do lado mais “flipado” do Rock!

alessandra eramo