Play it again, Alan!

“SHUT THE FUCK UP! THIS IS ABOUT FRANKIE!”
Alan Vega

Alan+Vega+Saturn+Strip+466449b

A Normopatia (a doença da normalidade) obteve mais uma vitória. A Grande Ceifadora decidiu levar consigo um dos meus artistas dilectos – Alan Vega (23 Junho 1938 – 16 Julho 2016). Ao que parece o músico norte-americano morreu de forma pacífica durante o sono. Ainda que as palavras que aqui redijo nada acrescentem aos milhares de obituários entretanto redigidos, gostaria ainda assim de referir que Alan Vega foi um dos artistas mais fascinantes do século XX. As suas performances, quer a solo quer com Martin Rev, o seu parceiro nos Suicide, levaram a cor da exuberância às urbes cinzentas.

Discografia obrigatória pós-Suicide: Deuce Avenue (1990); Power On To Zero Hour (1991); Etant Donnes with Alan Vega, Lydia Lunch & Genesis P-OrridgeRe-Up ‎(1999); e VVV (Vainio / Väisänen /Vega)Resurrection River (2005).

Dignos de nota são ainda os documentários com a assinatura de dois franceses: Marie Loisier e Marc Hurtado, respectivamente.

Deixo-vos com Alan Vega, ao vivo nos estúdios da TVE, Madrid, num concerto transmitido no programa La Edad de Oro, no dia 24 de Novembro de 1983.