A Memória Inconsciente das Formas Transfiguradas -IURTA

EXPERIMENTALIA votada a uma Electrónica das profundezas!

Sábado, dia 28 Março de 2015 às 16:30h
Rua do Sol 172 – Porto

“A Memória Inconsciente das Formas Transfiguradas” consiste num ciclo de programação musical a cargo de Júlio Mendes Rodrigo e André Fonseca.
Esta iniciativa – que pretende funcionar enquanto “câmara isobárica” estabilizadora dos fluxos sónicos da nossa contemporaneidade – é eminentemente dirigida a artistas de reconhecido percurso, cujo campo lexical da sua acção incorpore, ou orbite, em torno da Música Electrónica nas suas mais diversas variantes.
Enquanto laboratório acientífico de experimentação subterrânea, este ciclo, desafia os artistas a explorarem limites perante uma plateia audaz.

cartaz_a_memoria_inconsciente_das_formas_transfiguradas-01

Com uma periodicidade mensal, esta programação, será inaugurada por IURTA (J.A. e André Coelho). “Iurta é uma identidade fragmentada, comprimida entre a distopia moderna e delírio da irrealidade, antena receptora de emanações cósmicas, máquina orgânica de de re-transmissão alienada e alienadora. Musicalmente Iurta traduz-se em estruturas densas, monolíticas e claustrofóbicas, cifradas através da transmutação sonora. Música electrónica experimental e projecções hipnóticas para uma tarde no vácuo informe.”