Microvolumes 3.14 | ocp (pt) electrónica

9 Novembro 2013 | 20h
SONOSCOPIA | RUA DA PRELADA Nº 33 | PORTO (ao largo do Carvalhido)
Concerto e jantar, 6 euros.

OCPCartaz de Micaela Amaral

Nesta edição do Microvolumes, propõe-se a re-descoberta da calma e da lentidão num mundo de vertigem e em rápida mudança.
A sugestão advém dos sons, que nos remetem para um universo onírico, induzido por suaves oscilações e interacções das diversas camadas sonoras.
A brandura das cadências, a subtileza das transições e a ausência de uma marcação rígida, lançam o mote para um final de tarde que se pretende descontraído.
A ditadura do relógio fica de fora e suspende-se o tempo/espaço por um instante…
Imirja-se!

João Ricardo

João Ricardo nasceu no Porto em 1973.
O seu percurso como músico começou aos 6 anos com estudos de piano.
Anos mais tarde, dedicou-se ao baixo eléctrico e à guitarra eléctrica, assim como à exploração de ferramentas tão diversas como a fita magnética e os “software trackers”.
A passagem por várias bandas de rock/metal (entre as quais os míticos Gangrena) e algumas incursões no campo da música experimental conduziram ao seu actual projecto sonoro ocp – operador de cabine polivalente.
No advento do novo milénio trocou o curso de Direito pelo amor à música (e ao som) e viajou para Londres para estudar na Live Audio Engineering.
De volta a Portugal, criou a sua empresa de som e trabalhou como técnico “freelancer” para Serralves, Rivoli, Culturgest, Coliseu do Porto, Casa da Música, etc.
Durante três anos esteve ao serviço do Casino da Póvoa onde teve a oportunidade de trabalhar para/com artistas como Diana Ross, Bobby McFerrin, Chaka Khan, Wilson Pickett, entre outros.
Actualmente, dedica-se às actuações ao vivo, a solo e com outros improvisadores, e à composição/produção/experimentação para multimédia.
Ao longo da sua carreira o seu trabalho foi apresentado em sítios como o After the Crisis Festival – General Public, Transmediale, Art-Ort, Open Source Festival (DE), lovevideo, videolisboa, ovarvideo, MadeiraDIG, EME, STFU, Future Places, Casa da Música, Fundação de Serralves, noc noc, NetaudioLx (PT), Macfest, Alterarte, +VIDEO, ESTAMPA and Störung (ES), Némo (FR), PI Video Festival Szczecin (PL), Chroma (MX), Rosario Digital Art Festival (AR), CeC & CaC at India International Centre New Dehli (IN), Victory Plaza – Dallas, Bronx Art Space, Spark Festival : University of MInnesota, Parallaxis (USA), Enter Caravasara (TR), Streaming festival, PNEM Sound Art Festival (NL), The Flea Pit, London Analogue Festival (UK), One Minute Festival (CH), sguardi sonori (IT), FILE, Dança em Foco (BR), etc..
É ainda responsável pela EdP – Editora do Porto.