Infernus # 25 “Acheronta Movebo”

” O artista é o intérprete dos segredos da alma e do seu tempo sem o desejar, como os verdadeiros profetas, e por vezes de uma forma inconsciente, como se fosse um sonâmbulo. Ele imagina que as suas afirmações provêm do fundo de si mesmo, mas na verdade é o espírito do tempo que fala pela sua boca, e se aquilo que ele diz existe é porque esse espírito age.”  – C.G. Jung


Nightmare by Nikolaj Abraham Abildgaard (1800)

“If I cannot deflect the will of Heaven, I shall move Hell.”

Foi este  o mote para a redacção deste texto.  Guiado pela percepção da existência de pulsões primevas que fluem  estruturadamente nos limites subterrâneos da Consciência,” Acheronta Movebo”, percorre algumas das qualidades inerentes ao modus vivendi deste homem massificado, exaltando que é sempre possível ficar de pé no meio das ruínas que caracterizam este mundo moderno…

O número 25 da Infernus pode ser descarregado directamente através do site da APS, ou então via ISSUU.

Votos de boas leituras.

Infernus # 25 Pág.18

Infernus # 25 Pág.19